Lygia Clark: The Abandonment of Art, 1948–1988

Lygia Clark. _Composição no. 5: Série quebra da moldura (Composition no. 5: Breaking the frame series)_. 1954

Lygia Clark. Composição no. 5: Série quebra da moldura (Composition no. 5: Breaking the frame series). 1954

Graphite on paper
6 11/16 x 5 1/2" (17 x 14 cm)
Courtesy Associação Cultural “O Mundo de Lygia Clark”

Narrador: Curador Luis Perez-Oramas:

Luis Perez-Orama: Essa pintura parece uma pintura abstrata. Entretanto, também podemos pensar nela como algo que parece um plano de piso arquitetônico. O que Lygia Clark fez aqui foi integrar a moldura como parte do corpo da pintura.

Narrador: Ao fazer isso, Clark descobriu o que ela chamou de a “linha orgânica” – o espaço entre a moldura e a parte central da pintura. Esse foi um elemento integral de seu pensamento — que uma pintura é um objeto tridimensional, não apenas uma imagem bidimensional.

Luis Perez-Orama: Essa série é chamada A Quebra da Moldura. Ainda mais importante do que incluir a moldura no corpo da pintura é produzir uma pintura que gostaria de invadir, se você quiser, o exterior da pintura.

0:00
16 / 38